Você está aqui: Página Inicial / Sobre a Câmara / Notícias / Comissão de Educação da Câmara realiza reunião sobre concessão de prédios do estado para o município

Comissão de Educação da Câmara realiza reunião sobre concessão de prédios do estado para o município

por ttb Nayara Pinheiro — publicado 02/07/2018 16h15, última modificação 13/09/2018 14h07

Foi realizada na tarde de quinta-feira (28), no plenário da Câmara Municipal de Ituiutaba, uma reunião proposta pela Comissão de Educação, Cultura e Esportes da Casa à fim de discutir a concessão de três prédios escolares do estado para o município.

A reunião conduzida pelo Vereador André Luiz Nascimento, presidente da Comissão, contou com a presença dos vereadores Gabriela Ceschim Pratti e José Barreto Miranda (relatora e membro da Comissão de Educação), do Diretor da Superintendência Regional de Ensino, Carlos Henrique Araújo Vidigal, do Presidente do Sind UTE, Darci Jerônimo, do Presidente do Sintemi, José Rafael Rosa de Oliveira e do presidente do Conselho Municipal de Educação, Laércio Humberto da Silva. Estiveram presentes também a Diretora da Escola Estadual Arthur Junqueira de Almeida, Lucimar Aparecida de Souza, Márcia Helena Silva de Oliveira, a Diretora da Escola Estadual Fernando Alexandre e a Diretora da Escola Estadual Risoleta Naves Katiuce Cristine Araújo. A reunião contou ainda com a presença do Presidente da Câmara Municipal de Ituiutaba, Odeemes Braz dos Santos, dos vereadores da Casa, Carlos Maia, Cleidislene do Social, Chiquinho, Gilson Humberto Borges, Jorge Carteiro, Juninho da JR, Pastor Amaury e Vilsomar Paixão, além de educadores, professores e pais de alunos.

O vereador André Vilela, abriu o evento informando sobre a ausência do prefeito Fued José Dib e da Secretária de Educação Edmar Paranaíba. Na sequência relatou que, tão logo os integrantes da Comissão de Educação tomaram ciência da cessão das escolas do estado para o município, começaram a se reunir e abrir um diálogo junto ao executivo.

Em seguida a relatora da Comissão Gabriela Ceschim leu o ofício enviado pelo prefeito justificando a sua ausência e informando sobre a desistência do pedido de cessão dos prédios.

No uso da palavra o vereador José Barreto Miranda, membro da Comissão de Educação da Casa, disse que a notícia pegou à todos de surpresa, no final de semana e que desconheciam a finalidade desta da cessão dos prédios ao município. “Procurei a vereadora Gabriela Ceschim que já tinha conhecimento e, ela, naquele momento, me encorajou ainda mais em partirmos para o diálogo. Propomos que esta comissão fizesse parte da discussão. E, antes da reunião de segunda-feira, que tivemos aqui, já tínhamos manifestado ao senhor prefeito e a senhora secretária a nossa indignação com esta proposta. Ao nos reunirmos, no entanto, ficamos satisfeitos porque eles nos sinalizaram que já tinham tido outra reflexão e entendido que o momento não era apropriado”, relatou o vereador.

Recém empossado como Diretor da Superintendência Regional de Ensino, Carlos Henrique Araújo Vidigal, relatou o desafio vivenciado nos últimos dias, com especulações e boatos em torno da cessão dos prédios escolares do estado ao município e o fator decisivo do diálogo de toda a comunidade escolar e autoridades públicas na resolução deste impasse. “O que faz uma escola grande não são os protestos e sim a comunidade onde está inserida, com propostas, propósitos e idéias”, declarou.

As diretoras das Escolas Estaduais Arthur Junqueira de Almeida, Fernando Alexandre e Risoleta Naves, que teriam seus prédios cedidos ao município, expressaram o receio que tiveram nos últimos dias e o alívio com a informação da desistência do executivo em dar prosseguimento ao pedido. “Nós temos que lutar pela educação, porque é ela a arma que nós temos para promover a mudança, e nós temos muitas pessoas que lutaram bravamente conosco”, salientou Márcia Helena Silva de Oliveira, do Fernando Alexandre. “Gostaria de agradecer à minha comunidade aqui presente, os pais, professores, representantes dos bairros que estão aqui, e que não nos deixou desanimar hora nenhuma, nos tranqüilizando também a Deus por ter dado força para gente”, acrescentou Lucimar Aparecida de Souza do Arthur Junqueira de Almeida. “A nossa realidade ainda é mais específica do que a realidade de minhas colegas. Nós trabalhamos com um público que já é por si só marginalizado, discriminado, que sofre e que luta,” disse Katiuce Cristine do Risoleta Neves que completou. “Hoje eu só quero agradecer. Agradecer a toda comunidade tijucana, às pessoas que se mobilizaram como nossa dor, com nossa causa, a causa das nossas três escolas e que, sinceramente, fazem sim, a diferença na educação em nosso município”.

error while rendering plone.comments

 

 

 

 

 

 

« Setembro 2021 »
month-9
Do Se Te Qu Qu Se Sa
29 30 31 1 2 3 4
5 6 7 8 9 10 11
12 13 14 15 16 17 18
19 20 21 22 23 24 25
26 27 28 29 30 1 2